Endereço: CRS 505, Bloco A Entrada 11 Sala 105 - CEP: 70.350-510 - Asa Sul - Brasília/DF | Fone: (61) 3256-0803 | 3256-0802 | 9 9558-5735

Inscrições para Olimpíada Brasileira de Matemática terminam em 15 de março

Competição reuniu 18,2 milhões de alunos participantes em 2018 e é a maior competição científica do Brasil

Até 15 de março, escolas públicas e particulares podem se inscrever na maior competição científica do país. Só em 2018 foram 54.498 escolas participantes em 99,4% dos municípios e 18,2 milhões de participantes.

Aberta a alunos do 6º ano do ensino fundamental até o último ano do ensino médio, a competição tem como objetivo incentivar o ensino da matemática, melhorar a qualidade da educação e descobrir talentos. O professor Cláudio Landim, coordenador da Obmep, explica que as provas têm como foco a parte desafiadora da matemática e não a decoração de fórmulas, o que incentiva os alunos a descobrirem seus talentos.

“Essa prova oferece problemas de matemática diferentes daqueles que são vistos em sala de aula, o que permite detectar alunos que têm talento e muitas vezes não sabem. As questões exigem criatividade e raciocínio para serem resolvidas e mostra que a matemática é divertida e instigadora. É muito importante que as escolas inscrevam seus alunos e deem a eles essa oportunidade”, diz.

Os alunos que se destacam na Obmep concorrem a medalhas, participação em programas de iniciação científica e podem representar o país em disputas internacionais. Criada em 2005, a Obmep é realizada pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa), com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), e promovida com recursos do Ministério da Educação e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações – MCTIC.

Acesse a página da Obmep em www.obmep.org.br

FONTE: ASCOM/Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações

CETEM lança Edital 02/2019 para seleção de bolsistas para o Programa de Capacitação Institucional (PCI) 2019-2023

O Edital PCI-CETEM 02/2019 busca selecionar bolsistas para a execução de projetos com vigência até dezembro/2020.

O lançamento da Chamada Pública 02/2019 ocorreu em 28/02.  Os interessados em participar do PCI/CETEM devem seguir as orientações da Chamada, que está acessível na página www.cetem.gov.br/pci . As inscrições encerram-se no dia 18 de março.

Sobre o PCI
O PCI é um programa do MCTIC operacionalizado pelo CNPq que apoia projetos de P&D realizados pelos institutos de pesquisa do MCTIC.

Até recentemente, a seleção dos bolsistas ocorria em fluxo contínuo, por análise curricular e entrevista, à medida que vagas para bolsistas estivessem disponíveis. A partir de 2019, a seleção de bolsistas é por meio de Editais específicos, por chamadas públicas, para determinado número de vagas e temas de P&D.

O PCI do CETEM intitula-se Inovação para a Competitividade da Indústria Mineral e apresenta como objetivo a capacitação e engajamento de recursos humanos qualificados, conforme as necessidades do CETEM, de acordo com as orientações do seu Plano Diretor 2017-2022, e alinhado  à Estratégia Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (ENCTI 2016-2022).

O Programa em linhas gerais busca fortalecer a pesquisa e a infraestrutura científica e tecnológica; fomentar a inovação com ampliação da participação de empresas minerometalúrgicas em tecnologias de alto conteúdo tecnológico; e ampliar sistematicamente a capacitação de recursos humanos.

Para as vagas, de nível superior, é desejável que o candidato tenha especialização, mestrado ou doutorado, bem como experiência no tema de P&D, ou habilidades específicas  requeridas no perfil do bolsista  para cada vaga.

Os candidatos não selecionados comporão um banco de currículos para oportunidades futuras, em outros programas/projetos do CETEM.

FONTE: ASCOM/CETEM